Sábado, 15 de Novembro de 2008

Delft Blue e Vermeer

Continuo a apresentar a viagem que fiz esta semana à Holanda.

 

No dia 11 de Novembro, terça-feira, fui conhecer Delft. 

 

Delft Blue é um nome que está ligado à porcelana tradicional de Delft, chamada "Real Porcelana de Delft".

Fui visitar a fábrica.

 

 

Os azulejos são fantásticos e mundialmente conhecidos.

 

 

A fábrica tem um museu onde também estão artistas a trabalhar ao vivo.

 

 

Este painel de azulejos reproduz o mais famoso quadro de Rembrandt, a "Ronda Nocturna".

Vejam o tamanho do painel.

 

 

Pude visitar a fábrica.

 

 

Ver os fornos.

 

 

Os operários. Ou melhor, os artistas.

 

 

E no fim fui à loja da fábrica. O número ao pé do pote é mesmo o preço. E é mesmo em Euros.

 

 

De seguida um passeio a pé. A chuva constante da Holanda parou um pouco e pude desfrutar.

 

Aqui uma casa holandesa antiga.

 

 

E aqui a bonita entrada de uma casa actual.

 

 

Fui passeando pelos canais. Nesta vista, ao fundo vemos a Igreja Antiga de Delft onde são sepultados os membros da família real holandesa.

O pintor Vermeer também lá está.

 

 

Já era hora de almoço. Fui a este café no centro de Delft, muito procurado.

 

 

Já tinha aqui escrito anteriormente que os almoços na Holanda se resumem a sandes.

Mas podem ser bem sofisticadas.

 

 

Foram acompanhadas com uma excelente cerveja artesanal, de Delft.

 

 

Continuando a passear por Delft, passei por uma casa antiga de uma família de mercadores endinheirados.

 

 

Sempre com a cidade cheia de bicicletas. Achei piada a esta.

Quem chegou nela foi uma mãe e um filho com uns 10 anos. Iam à livraria.

 

 

 

Depois visitei o Vermeer Centrum Delft

 

 

Johannes Vermeer é um dos mais famosos pintores holandeses que nasceu, viveu e morreu em Delft.

É incrível como a luz nos seus quadros estava tão próxima daquela que podemos apreciar na fotografia moderna, tendo ele pintado no Sec. XVII.

Um dos quadros mais apreciados dele é "A Rapariga com Brinco de Pérola", de 1665.

  

Foto retirada da Wikipédia

 

No  Vermeer Centrum Delft  pude fazer uma brincadeira com o quadro "Senhora Escrevendo Uma Carta Com a Sua Criada", com a ajuda de duas colegas.

 

 

Já anoitecia mas ainda visitei a praça principal de Delft, logo ali ao lado.

Aqui vemos a nova Igreja de Delft.

 

 

Algumas casas com lojas.

 

 

E claro, como em qualquer lugar de interesse turístico, lojas de souvenirs.

Ao fundo vemos a Câmara Municipal.

 

 

E de Delft é tudo, por agora.

publicado por Luís Peça às 13:36
link do post | comentar | favorito

«Contempla-se o mar. À força de o vermos gastamo-nos nele, usamos por inteiro as suas quatro lembranças. Desconhece-se que delírio de ignorância nos vai arrebatar.»

Marguerite Duras, Vida Tranquila

.mais sobre mim

.tags

. todas as tags

.posts recentes

. Nobre

. Denizli, Turquia

. A caminho de Varsóvia

. Um dia qualquer na Figuei...

. Porto Santo

. HDR

. Perspectivas

. Sai de Vespa

. Cores frescas com luz

. Outono é tempo de castanh...

.arquivos

. Junho 2011

. Setembro 2010

. Maio 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

.links

.pesquisar

 

.subscrever feeds

Pergolas
Pergolas
online

.últ. comentários

a bebida do caju é jambalau
Discurso motivador, interessante, sensacional; Waw...
O caju come-se quando está bem madurinho. Tem de p...
Era a lente. Já limpei.
Epá!!! Essa lente, ou esse sensor estão cheios de ...
Olá eu gostava de lhe perguntar uma coisa...tenho ...
Fica muito melhor!
HDR é sem dúvida uma técnica espectacular!
Sitio óptimo para andar descalço.
E esta fórmula serve exactamente para Administrar ...