Quarta-feira, 8 de Outubro de 2008

Tiborna em lagar de azeite

Um destes invernos visitei um lagar de azeite no Alentejo. A proposta era conhecer como se faz azeite e comer uma tiborna.

 

A azeitona entra.

 

 

É espremida.

Suponho que pelo meio fica sem caroço.

 

 

A pasta é colocada em esteiras circulares.

 

 

É espremida.

 

 

O azeite escorre.

 

 

Aperta-se, aperta-se.

 

 

O azeita passa depois por água quente para sair tudo o que não é gordura. Acho eu que é para isso.

 

 

Escorre por cima (o azeite é menos denso que a água) e está pronto.

 

 

E AGORA A TIBORNA

 

Torra-se o pão na fornalha que aquece a água.

 

 

Mergulha-se no azeite acabado de fazer.

 

  

Torra-se novamente cheio de azeite.

  


 

Polvilha-se com açúcar e rega-se com sumo de laranja.

  

  

E come-se. Bom apetite.

publicado por Luís Peça às 19:22
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

«Contempla-se o mar. À força de o vermos gastamo-nos nele, usamos por inteiro as suas quatro lembranças. Desconhece-se que delírio de ignorância nos vai arrebatar.»

Marguerite Duras, Vida Tranquila

.mais sobre mim

.tags

. todas as tags

.posts recentes

. Tiborna em lagar de azeit...

.arquivos

. Junho 2011

. Setembro 2010

. Maio 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

.links

.pesquisar

 

.subscrever feeds

Pergolas
Pergolas
online

.últ. comentários

a bebida do caju é jambalau
Discurso motivador, interessante, sensacional; Waw...
O caju come-se quando está bem madurinho. Tem de p...
Era a lente. Já limpei.
Epá!!! Essa lente, ou esse sensor estão cheios de ...
Olá eu gostava de lhe perguntar uma coisa...tenho ...
Fica muito melhor!
HDR é sem dúvida uma técnica espectacular!
Sitio óptimo para andar descalço.
E esta fórmula serve exactamente para Administrar ...